FBCI 2014

FBCI 2014

O Segundo FBCI foi realizado de 7 a 12 de abril de 2014

Salas de exibição:
NUCINE- FACULDADE ESTÁCIO DE SÁ – Rua do Bispo, 83 - Rio Comprido.
CINE JÓIA - Av Nossa Senhora de Copacabana 680 - subsolo
SALA HUMBERTO MAURO- Casimiro de Abreu.
TEATRO OSCAR NIEMEYER - Rua Jornalista Rogério Coelho Neto - Centro, Niterói.

Lista dos Premiados com o TROFEU BRASILEIRINHO:

Melhor Longa Ficção:
VENDO OU ALUGO de Betse de Paula

Melhor Curta:
AQUEL NO ERA YO de Esteban Crespo

Melhor Documentário:
A VIDA NÃO BASTA de Caio Tozzi e Pedro Ferrarini

Melhor filme Nosso Planeta:
OUVIR O RIO de Marcela Lordy

Melhor filme Melhor Idade:
OSLO de Luis Ernesto Doñas

Melhor filme Primeira Obra:
SSHHH de Laura M. Campos

Melhor filme Calafrio:
ESPANTALHOS de Marcelo Domingues

Melhor filme Mundo Animado:
TABOGO de Dairo Cervantes

Melhor Diretor:
Esteban Crespo por AQUEL NO ERA YO

Melhor Produtor:
Cacala Carvana por VENDO OU ALUGO e Fernando Gabriel Leanza por 24 200- CRUCE SANMARTINIANO

Melhor Diretor de Arte:
Adriano Gianola por ESPANTALHOS

Melhor Diretor de Fotografia:
Ricardo Camargo por ESPANTALHOS

Melhor Atriz Principal:
Marieta Severo por VENDO OU ALUGO

Melhor Ator Principal:
Boguslav Linda por APNEIA

Melhor Atriz Coadjuvante:
Natalia Thimberg por VENDO OU ALUGO

Melhor Ator Coadjuvante:
Andre Mattos por VENDO OU ALUGO

Melhor Trilha Sonora:
Gustavo González por ER RELAJO DER LORO e Gabriel Lococo por 24 200, CRUCE SANMARTINIANO

Melhor Roteiro:
María Lucia Dahl, Mariza Leão, Julia de Abreu e José Roberto Torero por VENDO OU ALUGO

Melhor Figurino:
Liushinka Baptista por ER RELAJO DER LORO

Melhor Edição:
Arantxa Galan e Laura M. Campos por SSHHH

Melhor Filme pelo Júri Popular:
KELVIN de João Marcos Almeida Xavier da Silva
________________________________________________________________________________________________________
MENÇÕES HONROSAS:

Melhor Longa Ficção:
COLISEO LOS CAMPEONES de Alejandro Rossi

Melhor Curta:
METADE DA LARANJA de Thais de Campos

Melhor Documentário:
BATALHA DE RIMA de Renan Miragaya
VERDADE 12.528 de Peu Robles e Paula Sacchetta

Melhor filme Nosso Planeta:
LAGOA DO PEIXE de Havita Rigamonti
A LAGUNA DAS AVES de Havita Rigamonti

Melhor filme Melhor Idade:
ATOCHA 70 de Irlanda Tambascio

Melhor filme Primeira Obra:
TERCEIRO SEXO de Vinícius Bertoli
ALTIBAJOS DE UN PETISO de Fernando Milsztajn

Melhor filme Calafrio:
LA NOCHE ANUNCIA LA AURORA de Gerard Uzcátegui

Melhor filme Mundo Animado:
O QUE É QUE HÁ COM O SEU PERU? De Rodrigo Gava e Duda Campos

Melhor Diretor:
LEANDRO PESKA por A Vida em Cores

Melhor Produtor:
RICHARD DANTAS por O Tanatopraxista
HUGO ANDRÉS QUINTERO RIVERA de “Por el Sendero”

Melhor Diretor de Arte:
O VENDEDOR DE COISAS de Deleon Souto

Melhor Diretor de Fotografia:
ALEXANDRE ACHE por Boca Fechada
GUSTAVO HADBA e LULA CERRI por Graça

Melhor Atriz Principal:
FERNANDA MONTENEGRO por A Dama do Estácio

Melhor Ator Principal:
MALVINO SALVADOR por Cine Centímetro

Melhor Atriz Coadjuvante:
DARLENE GLORIA por Corpo Presente

Melhor Ator Coadjuvante:
TONY LEE por Boca Fechada

Melhor Trilha Sonora:
RODRIGO LIMA por O casamento de Mário e Fia

Melhor Roteiro:
EDUARDO CALVET por Luz ,Ánima, Ação

Melhor Figurino:
ADRIANA BERNARDES E MOARA COSTENARO por O Tesouro do Morro da Igreja

Melhor Edição:
LA CARNE CRUDA de Samuel Lema

______________________________________________________________________________________________________________

JURADOS:

federicobardiniFederico Bardini - Presidente do Júri
Editor e produtor com  20 anos trabalhando em programas de TV, documentários, videos e filmes de ficção em HD, vídeo, 16 e 35 mm. em Argentina, Cuba e Brasil. Nascido na República Argentina, formado na Escola Internacional  de Cinema & TV de San Antonio de los Baños (Cuba) e formado em jornalismo no TEA (Taller Escuela Agencia) de Buenos Aires (Argentina, 1990-93).   Foi professor fundador e coordenador do Curso de Cinema da Universidade Estácio de Sá do Rio de Janeiro (1997-2002).  Também deu aulas na Universidade Veiga de Almeida, na Escola  Internacional  de Cinema & TV de San Antonio de los Baños (Cuba) e em Tea Imagem de Buenos Aires. Nos últimos anos tem trabalhado na montagem de varios programas de TV, entre eles Morando Sozinho, No Caminho, Embarcados (Canal Multishow), Aéreas, Ilhas Paradisíacas (Canal Off) e os especiais do festival Rock In Rio para DirecTV. 

 

Duaia

Duaia Assumpção

Trabalha como atriz em Cinema, TV e conta com mais de trinta trabalhos em Teatro. Fez o longa "Amores",  realizado pela EICTV e vários curtas. Também fez produção de elenco do filme Tiradentes (Oswaldo Caldeira), e a assessoria de direção de atores de cerca de 40 diretores em filmagens e oficinas na Escuela Internacional de Cine y TV, EICTV, em Havana – CUBA, entre 1993 e 1995. Seus mais recentes trabalhos são em Cinema, dois filmes de Domingos Oliveira: Paixão e Acaso e Primeiro Dia de um Ano Qualquer. Escrevendo, colaborou com Joaquim Assis no roteiro cinematográfico “E Tudo é Muito Importante”, que teve o apoio de Bolsas Vitae de Artes a partir de argumento seu. Em dezembro de 96, recebeu o Prêmio FUNARTE de Incentivo a Autor Teatral Inédito com o texto “4”.  Em 2000, escreveu o texto “Leio Porque Quero”, para o evento Paixão de Ler no Museu da Vida, que também rendeu temporadas no CCBB-Rio e na Caravana Funarte.

 

 

Paulo Fontenelle

Paulo Henrique Fontenelle

Nasceu em 1970, é formado em Cinema, Radialismo e Jornalismo. É editor e diretor de programas, documentários e DVDs musicais. Dirigiu e produziu o curta Mauro Shampoo (2006), que ganhou mais de 20 prêmios de melhor filme no Brasil e exterior. Seu primeiro longa, Loki (2008), rendeu 10 prêmios de melhor filme no Brasil, em Nova York, em Toronto e em Miami e ficou 4 meses em cartaz no Brasil. Seu último trabalho, Dossiê Jango ganhou prêmio de melhor documentário Júri Popular do Festival do Rio 2012, prêmio de melhor longa metragem Júri Popular da Mostra Tiradentes 2013 e melhor filme do Júri Oficial e Júri Popular da mostra DocFAM 2013.

 

 

 

Marcos CordiolliMarcos Cordiolli

Graduado em História (UFPr, 1988) e mestre em Educação: história e filosofia da educação (PUC-SP, 1997). É professor universitário de graduação (desde 1994), de especialização latu senso (em mais 20 IES); de mestrado (em uma IES); atua na qualificação docente (desde 1994 e prestou serviços para mais 50 redes públicas e dezenas de escolas particulares em 18 estados); É consultor em gestão do trabalho pedagógico e proposições curriculares na Educação Básica (com serviços prestados para dezenas de instituições) e Superior (com trabalhos prestados para mais de 20 IES); Publicou artigos, livros e materiais didáticos (na área de história, filosofia e geografia para Ensino Fundamental e Médio; teoria curricular e políticas educacionais para a Educação Superior).
É cineasta. Produtor Associado do filme O Sal da Terra (Brasil, 2008) de Eloi Pires  Ferreira. Diretor de Produção (com Elói Pires Ferreira) de Conexão Japão (Brasil, 2008) de Talício Sirino. Produtor Executivo de Curitiba Zero Grau (Tigre Filmes e Labo). Foi assessor técnico da Comissão de Educação e Cultura da Câmara dos Deputados (2010). Foi assessor da diretoria da Agência Nacional do Cinema – Ancine.
É Secretário de Cultura da Cidade de Curitiba na condição de Presidente da Fundação Cultural de Curitiba. É presidente do Fórum dos Gestores Municipais de Cultura das Cidades com mais de 500 mil habitantes